Descubra quais cuidados tomar ao correr na chuva!

Descubra quais cuidados tomar ao correr na chuva!
13 Ago

Correr na chuva é uma das atividades mais prazerosas que há. Esses dias fiz um treino por 1h15 com chuva sobre a cabeça.

Sim, ficamos molhados e grudentos. O pé, principalmente – você sente as primeiras unhas e a sola ficarem mais sensíveis. Uma bolha aqui, uma unha perdida acolá. O desconforto é inevitável, mas deixar o corpo e a alma se lavarem compensa o sacrifício.

Nunca desprezei treinos em chuva. Já até precisei deles, inclusive. Foram nos últimos 12 quilômetros da Maratona de Nova York. Na ponte de entrada do Bronx, o primeiro pingo geladíssimo caiu na minha panturilha e imediatamente senti o choque em todo o corpo. Na sequência, caiu um dilúvio que me castigou por cerca de uma hora. Sem os treinos chuvosos, minha meta de fechar os 42 km abaixo de três horas não teria sido alcançada.

Resultado de imagem para corrida na chuva

Para não se perder em dicas, a mais importante é correr usando boné ou viseira, pois não há nada mais irritante do que os pingos caindo nos olhos. No mais, o solado do tênis deve estar aceitável por questões de segurança, para não escorregar. A troca de camiseta ou de corta-vento depois do treino também é essencial. Outra preocupação é com celular e o GPS. Certo que na maioria dos casos, aguentam a umidade, pois dá para proteger bem o celular; já o GPS devemos confiar na qualidade, até segunda ordem. As poças d’água são o principal ponto de cuidado que o corredor deve ter.

Resultado de imagem para corrida na chuva

Caso não conheça o terreno da região, nunca vá com tudo nas poças. Já vi pessoas caírem feio por conta disso. A questão dos raios é clássica. Nunca ir para o descampado ou para debaixo de árvores. Procure se proteger do temporal e até aborte a corrida se precisar.

Se você não domina totalmente a corrida, a chuva não é o momento de dar tiros e intervalados. Faça uma rodagem mais leve e sinta a chuva bater em seu rosto. Este é o melhor momento para pensar na vida e traçar novos objetivos!

 

Se você pratica Corrida, pode sofrer de dores musculares e está propenso a contusões e outros tipos de lesões.

A PROGEL SPORTS tem um GEL MASSAGEADOR! Faça já o seu pedido e receba o PROGEL em casa:

Ligue 📞 11 2036.0770

📧 Email: progelmassageador@gmail.com

.

.

.

Fonte: https://bit.ly/2GWjLFc

Atletismo e seus diversos benefícios para a saúde

15 Jul

De acordo com o Conselho Nacional de Esportes para a Juventude, dos Estados Unidos, mais de 40 milhões de garotos e garotas participaram de esportes organizados em 2008, e com números como esse, que crescem a cada ano, certamente é importante ressaltar os benefícios advindos da prática de tais esportes.

 

Sem dúvida, a ideia de ganhar ou perder afeta o esportista de maneiras bem severas, no entanto, isso não descarta de maneira alguma os benefícios que a prática do esporte pode oferecer, e quanto o atleta coloca-se sob a pressão de se esforçar e procurar melhores resultados, melhorando seu desempenho a cada dia, não há razão para que seu resultado não seja a vitória futuramente. Uma coisa leva à outra.

 

Os benefícios dividem-se em 3 grandes esferas:

  1. Físico

É impossível encobrir ou ignorar os benefícios do esporte para o físico de modo geral do atleta, pois através do treino e da participação em atividades atléticas, o esportista está exercitando quase todos os músculos do corpo e de maneira proveitosa e prazerosa, além disso, em um planeta no qual o maior problema de saúde tem sido a obesidade, não há como negar os óbvios benefícios de ter o corpo em dia e ser feliz consigo mesmo.

  1. Mental

É a área que muitos usam para reafirmar a importância da participação em esportes competitivos, e é a mesma área que aponta a razão de alguns atletas às vezes se encontrarem em uma situação de negação ou incerteza, e aprender por meio do esporte a lidar com questões que podem alterar aspectos em sua vida pessoal e profissional, como por exemplo a ética, que deve ser seguida em todas as fases da vida de qualquer pessoa.

Alguns dos pontos que devem ser destacados aqui são:

 

Objetivos

Criar e entender objetivos é uma enorme parte do que é ser um bom atleta. Eles direcionam e representam um lugar em que você quer estar no futuro. Sem eles você somente caminha e vive, sem ter razão para isso.

Vontade

A virtude mais importante para alcançar os objetivos. Sem desejo e sem vontade não há gana em cumprir as metas. Isso fica mais evidente quando o atleta é colocado em situações difíceis, que necessitam de atos de perseverança e determinação.

Aprender a lidar com fracassos

Não importa o quão bom um atleta seja, ele vai perder em algum momento. A maneira como ele vai lidar com isso é que determina seus atos futuros. Muitos dizem que o esportista aprende mais com os fracassos do que com as vitórias, desde que ele saiba usar as perdas como aprendizado, logicamente.

 

  1. Social

Cooperação

Um atleta precisa entender a dinâmica de um grupo e a função individual dele no sucesso ou falha dessa equipe. Isso é comum para todos os participantes de esportes coletivos: aprender a cooperar.

Trabalho em equipe

É importante que o atleta não seja extremamente individualista, e entenda que todo o time está buscando um objetivo comum. Sendo parte dele, o esportista deve exercer da melhor maneira sua função individual pelo bem do coletivo, e não somente para proveito próprio.

Amizades

Inevitavelmente o atleta fará amigos, seja por uma temporada em outra cidade ou até mesmo para a vida toda, e são esses amigos que estarão com ele nos momentos difíceis durante competições ou até mesmo nas festas após as vitórias. É importante que essas amizades sejam cultivadas, garantindo mais vida para a equipe.

 

Se você pratica atletismo, pode sofrer de dores musculares e está propenso a contusões e outros tipos de lesões.

A PROGEL SPORTS tem um GEL MASSAGEADOR! Faça já o seu pedido e receba o PROGEL em casa:

Ligue 📞 11 2036.0770

📧 Email: progelmassageador@gmail.com

.

.

.

Fonte: https://bit.ly/2JDpOPo

TUDO SOBRE CORRIDA

03-06_BLOGprogel_tudo-sobre-corrida
03 Jun

Há quem acredite que a corrida é o mais democrático dos esportes por causa de sua praticidade: no geral, com um tênis e uma roupa confortável já é possível arriscar os primeiros passos. E, além de ser simples de se iniciar, a corrida ainda oferece uma série de vantagens para seus praticantes, tanto para a saúde física quanto a mental.

Benefícios da corrida

  • Aumenta a capacidade cardiovascular
  • Diminui os níveis de colesterol
  • Emagrece
  • Aumenta a força nos membros inferiores
  • Melhora a capacidade cognitiva
  • Eleva a disposição física
  • Reduz os sintoma de depressão e ansiedade
  • Melhora a circulação sanguínea
  • Melhora o humor

Os benefícios são citados pelo educador físico Mario Sergio, fundador da assessoria esportiva Run&Fun.

Corrida emagrece?

De acordo com Mario Sergio, sim, correr ajuda a emagrecer. “Por ser um esporte onde temos que movimentar nosso corpo através de sucessivos saltos para se deslocar, necessitando recrutar muitos músculos, isso gera um gasto calórico muito grande. Além disso é um esporte predominantemente aeróbico, o que por si só já ajuda na queima de calorias”, explica.

Correr fortalece o coração

O treinamento de corrida, de acordo com o professor Leonardo Lima, da Universidade Anhembi Morumbi, irá promover a longo prazo uma melhora da eficiência da força de distribuição do sangue para todos os tecidos. “Há o aumento da massa muscular cardíaca, aumento do ventrículo esquerdo, aumento e eficiência das mitocôndrias e melhora da entrada e saída de sangue para o sistema pulmonar e circulatório. Em outras palavras, o coração fica mais forte e mais econômico diante do trabalho em exercício e repouso”, ele explica.

 

Além disso, exercícios aeróbios como a corrida “exercitam não só o corpo, mas também o coração (sim, ele é um músculo)”, explica o educador físico Henrique Azevedo. “Estes exercícios são conhecidos também como cardiovasculares, o famoso ‘cardio’. Bem exercitado, o coração aumenta o fluxo sanguíneo para todo corpo, sendo capaz de bombear mais sangue com menos batidas, se tornando mais eficiente”, completa Azevedo.

Corrida aumenta a sensação de bem-estar?

Leonardo explica que a endorfina é um neurotransmissor, ou seja, uma substância produzida pelo cérebro através do estímulo de exercícios físicos aeróbios, como a corrida, e que modula dor e estresse. “Sua liberação através da corrida irá propiciar o aumento da disposição física e mental, dá a sensação de bem-estar, alivia as dores, melhora a resistência física e a tolerância ao esforço físico, melhora o humor”, comenta.

Corrida auxilia o cérebro?

Melhora de oxigenação, estímulos entre células nervosas e condução neuromuscular são alguns dos benefícios da corrida. “Doenças como demência, esclerose múltipla e Alzheimer são beneficiadas com o treinamento de maneira participativa no tratamento clínico do exercício de forma não medicamentosa. A corrida também promove aumento de fluxo de sangue ao lobo frontal, a área é associada à concentração e foco, que controlam a tomada de decisão e a maneira como gerenciamos nosso tempo”, explica Leonardo.

Corrida fortalece os ossos?

Como a corrida se trata de uma atividade que gera impacto sobre nossos ossos e articulações, é sabido que esta atividade melhora a massa óssea e, consequentemente, há uma melhora no fortalecimento dos ossos.

De acordo com o educador físico David Aizenas, “a prática da corrida é muito importante para crianças, adolescentes, adultos, homens ou mulheres, mas principalmente para elas. As mulheres têm uma melhora acentuada no que se refere ao momento pós-menopausa, ciclo em que pode haver um déficit ou debilidade nos ossos”, ele ressalta.

Conclusão

De forma geral, a corrida é uma atividade democrática e natural, “afinal, primeiro engatinhamos, depois caminhamos e depois corremos, faz parte da história do ser humano e do seu repertório motor”, lembra Mario Sergio.

“Apenas precisamos usar sempre a parcimônia para atingirmos os melhores efeitos e lembrar que quem quer resultados rápidos não está começando certo, pois a mudança para ser fisicamente ativo deve ser gradual e para a vida toda”, conclui.

 

Se você pratica corrida ou qualquer outro, esporadicamente pode sofrer de dores musculares e está propenso a contusões e outros tipos de lesões. A PROGEL SPORTS tem um GEL MASSAGEADOR! Faça já o seu pedido e receba o PROGEL em casa:


Ligue 📞 11 2036.0770
📧 Email: progelmassageador@gmail.com

 

Fonte: https://bit.ly/2xa577y

Paulinho da Runner Suzano no Mundial de Duathlon na Espanha

BLOG-PROGEL
06 Mai

Confira a perspectiva do corredor sobre participar do Mundial de Duathlon na Espanha, um evento muito importante.

 

Posso não ter a melhor corrida, mas sem dúvidas tenho um dos melhores pedais. Pedalando com gigantes no segundo grupo, sendo o único do BR, tive o 5 melhor pedal do Duathlon Sprint seguido do @brunohenriquesgt com 10 seg de diferença e todos os demais de bike com câmbio eletrônico, equipamentos com nível melhores.

 

Isso me faz pensar que estou no caminho certo, novos metas e o plano continua!

 

Foto registra o que melhor sei fazer, feliz e apesar da posição aerodinâmica não parecer seguro, eu estava sim muito confiante e sabia o que estava fazendo, não era uma brincadeira!

 

Primeira experiência em Campeonato Mundial @itumultisport definitivamente uma prova duríssima do início ao fim.

 

Tenho treinado muito a Corrida pensando na evolução diária , mas ainda não consegui atingir um nível ideal para brigar com os grandes , esses Espanhóis Britânicos e Americanos correm fácil.

 

Uma transição relativamente boa e partimos para o melhor momento da prova , o ciclismo é sim pra mim o melhor momento, com varios atletas escapados e outros que não aguentaram o primeiro grupo logo fui buscando junto com mais alguns Britânicos e Austríacos e formando o segundo pelotão , quando no 3 km furou meu pneu , o pneu tubular com vedante colocado pela @bikenakashima me salvou para que eu pôde-se dar seguimento , claro que orei durante toda a prova pedindo para Deus que me deixasse concluir a prova da forma que fosse , graças a Deus segui firme em um ciclismo brutal com os 10 primeiros km pesados com subida , logo na retomada assumi o pelotão de volta , descendo entre os 3 primeiros do pelotão , assumindo a cabeça e brincando feliz da vida colocando pressão nos europeus , eu nem queria saber o que tinha pela frente , logo assumi o pelote e sprintei na descida chegando a 70 km/h fazendo aquela sentada clássica no quadro da bicicleta para melhorar a aerodinâmica, foi um momento único e mágico pra mim , me senti um atleta de elite fazendo aquilo, fechando a prova com o 5 melhor pedal do grupo 25/29.

 

Seguimos firmes pra ultima corrida tentando encaixar o ritmo pesado após um pedal brutal , fechando a prova num sprint com um Americano, cruzando a linha de chegada com 1:01:23 hs , feliz da vida é muito emocionado , nesta hora um filme passa na sua cabeça lembrando de tudo que passou na vida e o quanto lutou para chegar ali , orei e agradeci muito a Deus pela oportunidade!

.

.

Assim foi @itupontevedra19

 

Obrigado a todos vocês !

 

@triathlonsp @triathlonbrasil

 

Texto: Paulinho Runner Suzano

10 dicas para se preparar para uma corrida de rua

corrida de rua
08 Dez

Praticar atividade física e ter uma alimentação balanceada são elementos primordiais para prevenir doenças e manter o equilíbrio da saúde.

Muitos adotam a atividade física, como a caminhada, musculação, controle de alimentação e acompanhamento médico na rotina.

Além disso, há aqueles que gostam de superar desafios e ir mais longe: correr.

Para isso, é importante atentar-se para uma prática segura e com acompanhamento adequado.

Confira abaixo dicas do educador físico do Hospital Israelita Albert Einstein, Bruno Gion.

treinar corrida

  1. Crie objetivos! Para ter sucesso você precisa saber aonde quer chegar;
  2. Faça uma avaliação física, nutricional e médica para começar. Visite-os regularmente para verificar se tudo está bem;
  3. Crie uma rotina de horários para treinar, se alimentar e dormir;
  4. Faça boas escolhas alimentares! Evite doces e invista em frutas e vegetais;
  5. Elabore metas dentro do seu treino, supere e motive-se;
  6. Pratique musculação, seu rendimento melhora e previne lesões;
  7. Faça exercícios educativos de corrida, aumente distância e intensidade aos poucos;
  8. Descanse e durma pelo menos 6 horas! Treinar em excesso e não dormir aumenta o risco de lesões;
  9. Se alimente, treine, divirta-se, fique com a família, descanse e repita!

Lembre-se, você é a única pessoa que pode fazer, por isso, invista tempo e dedicação em você!​

Fonte: https://bit.ly/2C6jJJX

Antes ou depois da corrida, use o Progel Sports, o gel massageador que alivia e relaxa seus músculos.

Ainda não tem o seu? Adquira agora através dos seguintes contatos:

📞 11 2036.0770

📧 progelmassageador@gmail.com

Mercado Livre: https://bit.ly/2wV4ZZY

 

Bora correr? Fisioterapeuta dá dicas para quem quer começar na corrida de rua

correr
02 Set

Saber escolher o melhor tênis e fortalecer os músculos são detalhes importantes para quem quer praticar esta modalidade

A corrida de rua é o esporte que mais cresce no Brasil e no mundo. Ele traz inúmeros benefícios, como melhora do funcionamento do coração e pulmão, bom humor e até aumento da expectativa de vida. Só que para usufruir de todos esses benefícios e diminuir seu risco de entrar na alta estatística de lesões desse esporte, alguns cuidados são importantes:

Comece devagar

Uma das principias causas de lesões em corredores é o aumento brusco de treinamento. A corrida traz tanta sensação de bem-estar que passar dos limites nesse começo é algo comum. Por isso, siga um esquema de treinamento que evolua gradativamente.

Fortaleça os músculos

A musculatura do corpo precisa estar forte para proteger as articulações da sobrecarga de cada passada. Por isso, juntamente com os treinos de corrida, inicie também um trabalho de fortalecimento muscular. Ele pode ser realizado de diversas maneiras: na academia, com treinamento funcional, pilates, ou até mesmo com exercícios em casa.

Cuide do seu movimento

Um bom movimento na corrida, ou seja, uma boa biomecânica, é muito importante para reduzir os riscos de lesões. Algo fácil para se prestar atenção é o impacto. Quanto menor o barulho a cada passada, menor é o choque que o corpo sofre contra o chão.

Escolha bem o tênis

As pesquisas científicas hoje mostram que os pontos mais importantes no tênis são conforto e espaço. O calçado não pode prender muito os dedos e gerar pontos de pressão desconfortáveis. Já a escolha do amortecimento é pessoal: você deve se sentir confortável. É simples assim, pois muito amortecimento não é sinônimo de menos lesões.

Sobre tênis específicos para seu tipo de pisada, a ciência atualmente apoia calçados neutros para todos os tipos de pé. Espero que essas dicas te ajudem a ingressar ainda melhor nesse universo maravilhoso da corrida. Bons treinos.

Fonte: https://glo.bo/2PuZKaz

E então, deu vontade de correr? Vamos lá! Prepare-se e aproveite os benefícios dessa atividade.

Aproveite e garanta o seu Progel para antes ou depois da corrida. Se ainda não tem, peça por aqui.

Correr de ressaca? Ansiedade pós-lesão? Saiba como agir

corrida de ressaca
20 Ago

Cada corredor responde de forma única ao treinamento. Entre os fatores que fazem de você um ser diferenciado na corrida estão a sua genética (predisposição para se adaptar ao exercício), histórico de treinamento e de lesões, saúde geral e estilo de vida (o que come, como dorme e lida com o estresse, por exemplo). Essa semana escolhemos três situações que podem acontecer com corredores de todos os níveis e demos algumas sugestões, confira abaixo:

1. Você já correu de ressaca?

Correr na manhã seguinte a uma bebedeira traz riscos. Depois que você exagera na bebida, seu corpo fica desidratado, o que significa que o plasma sanguíneo (o líquido que envolve e transporta as células do sangue) diminui. Para manter o fornecimento de sangue necessário para os músculos, o coração precisa trabalhar mais e bombear mais rapidamente e com isso a intensidade relativa do exercício aumenta. Ou seja, você cansa mais rápido. Se tiver que treinar no dia seguinte, o faça no final do dia. Aproveite a manhã e a tarde para reabastecer o corpo com boa comida e água e descansar.

2. Fica ansioso demais para voltar aos treinos após lesão?

O tempo que você vai levar para recobrar o condicionamento depende de uma série de fatores, incluindo o período de afastamento e o tipo de exercício que conseguiu fazer enquanto ficou sem correr. Se tentar cravar os quilômetros ou ritmos que fazia antes da interrupção, pode acabar machucado, exausto e desapontado. É preciso recomeçar de onde está agora. Você voltará ao nível de antes, só que isso levará um tempo. Uma boa estratégia é alternar corrida com caminhada (4 minutos de corrida com 1 de caminhada, por exemplo) nos primeiros treinos. Seja conservador e vá ganhando confiança aos poucos, use até mais caminhadas se quiser. O mais importante é não sentir dores no momento.

3. Vale à pena correr só uma vez por semana?

voltar a correr

Correr um pouco é melhor do que não correr. É verdade que seu condicionamento e desempenho não ficarão muito melhores com apenas uma corrida semanal. Mas esse único treino pode dar um gás na sua motivação e ajudar a criar o hábito de se exercitar. Isso também vai facilitar que você faça treinos extras quando tiver tempo.

Fonte: https://glo.bo/2MmC4bl

E aí? O que você acha desses assuntos? Como lidar? Deixe seu comentário!

E não se esqueça de levar com você o Progel – O gel massageador dos esportistas amadores e profissionais!

7 dicas de esportes para praticar ao ar livre

andar de bicicleta
30 Jul

Praticar esportes ao ar livre é uma alternativa para as pessoas que não gostam muito de ficar dentro das academias, ainda mais no verão. Além disso, traz vários benefícios à saúde. Esses esportes são agradáveis e proporcionam um contato maior com a natureza e mais ar puro. Veja 7 dicas de esportes para você praticar!

1 – Slackline:

skaline

Para quem gosta de misturar diversão e esporte, o slackline é mais do que recomendado. Além de ser fácil de preparar, é só pegar dois pontos e instalar uma fita, pode ser praticado em parques, praças ou na praia. O esporte auxilia na melhora da coordenação motora, consciência corporal e exige muito equilíbrio. Que tal encarar esse desafio abusando das manobras?

2 – Bicicleta:

andar de bicicleta

Você pode pedalar em parques ou até mesmo em pistas. O esporte ajuda a aliviar a tensão muscular e, como trabalha vários músculos do corpo, provoca um excelente condicionamento físico. Sem falar que na bike você pode conhecer lugares novos da cidade.

3 – Remo:

remo

Esse esporte é voltado para quem gosta de estar em contato com a natureza e a água. É um dos mais completos, pois utiliza quase todos os músculos do corpo. A prática do remo promove resistência muscular e melhora a coordenação motora. Além disso, queima calorias e alivia o estresse. Como pode ser feito em equipe, chame os seus amigos!

4 – Corrida:

corrida

A famosa corrida pode ser feita em parques, calçadões, orlas e além de ser um esporte que queima muitas calorias, é uma ótima opção para explorar as belezas da sua cidade. Só não esqueça de escolher um bom par de tênis, com amortecedores para evitar leões.

5 – Patinação:

patinação

É uma ótima dica para quem quer praticar esportes e se divertir. Com a patinação, é possível emagrecer, ter um condicionamento físico melhor e fortalecer o corpo com a sensação de relaxamento. Os movimentos exigidos pelos patins ajudam os músculos a se manter alongados, o que evita rompimentos e lesões. Se você já tem patins, é só tirar do armário e seguir para a pista.

6 – Stand Up:

stand up

Está muito em alta, é maravilhoso para os amantes da água. Pode ser praticado no mar, em lagos ou represas. A prática do Stand Up ajuda a manter o físico, melhora o equilíbrio e pode ajudar na postura. Além de exercitar o corpo, a mente e garantir o bem-estar.

7 – Escalada:

escalada

É ideal para as pessoas que gostam de aventura! É diferente dos esportes tradicionais e é completo, pois utiliza membros do corpo inteiro. Ela também alivia a tensão e exige força e concentração. Que tal encarar o desafio?

E aí, qual esporte ao ar livre você vai praticar?! Fonte.

Conta pra gente qual o seu esporte preferido!

Acompanhe Progel Sports no Facebook e Instagram.

13 dicas para uma prática esportiva saudável

dicas corrida
11 Jun

Então vamos às dicas para você que quer participar desse grande número de pessoas que optaram pela qualidade de vida na prática esportiva.

13 Dicas para uma caminhada e atividade física saudável

1- A caminhada é um exercício que deve ser praticado com regularidade.

2- Antes de iniciar um programa de atividades físicas, procure um médico para uma avaliação, principalmente da capacidade cardiorrespiratória.

3- Procure fazer uma refeição leve antes de iniciar qualquer atividade física. Dê preferência para frutas e carboidratos. Evite praticar exercícios físicos em jejum e após a ingestão de alimentos gordurosos.

4- Evite ingerir bebidas alcoólicas, pelo menos 12 horas antes da prática de esportes e durante a caminhada, procure hidratar-se preferencialmente com soluções isotônicas em intervalos regulares. Evite a ingestão de grandes volumes de água de uma só vez, isto poderá lhe trazer mal estar.

5- Abandone o hábito de fumar. O uso do cigarro favorece o aparecimento de várias doenças e limita sua atividade física.

6- Procure dormir pelo menos 8 horas por noite.

7- Use calçados e roupas adequadas e confortáveis para a caminhada.

8- Use protetor solar com fator de proteção igual ou superior a 20, pelo menos 30 minutos antes da exposição solar, mesmo com tempo nublado.

9- Evite os horários mais quentes. Use óculos com proteção contra os raios solares (UVA e UVB). Se preferir, use também boné ou viseira.

10- Realize exercícios de alongamento e aquecimento antes da caminhada. Alongamentos após a atividade física também evitam dores e lesões futuras. É só fazer 4 séries de 20 segundos cada, antes e após a atividade física.

11- Caso você faça uso contínuo de medicamentos como insulina, anticonvulsivantes, anti-hipertensivos, etc., não o interrompa para praticar esportes. Peça sempre orientações ao seu médico.

12- Se você sentir estar no seu limite físico ou passar mal durante a caminhada, interrompa o exercício e peça ajuda.

13- Tenha sempre com você um documento de identidade, cartão com endereço e telefones de contato, além da carteira do plano de saúde se possuir.

A caminhada é um dos exercícios de maior importância para o organismo. Além de manter o corpo em forma sem muito esforço físico, ajuda a fortalecer os músculos e proporciona o bem-estar que tanto buscamos.

Fonte: https://bit.ly/2xVIF5w

Está pronto para começar a caminhada, ou corrida? Lembre-se de usar Progel Sports Gel Massageador antes ou depois, já que ele traz muitos benefícios, como os que você vê aqui nesse vídeo com o Paulinho Runners.

Como treinar para a corrida de montanha

Corrida de montanha
19 Mar

A mudança constante do terreno e a presença de obstáculos naturais na corrida de montanha tornam a modalidade intensa e exigem do corredor um preparo físico específico.

É preciso encarar subidas muito íngremes, às vezes, seguidas de desfiladeiros, além de outras barreiras comuns aos percursos de provas de trail.

Esses desafios também podem levar à oscilação no ritmo de competição, testando o fôlego e resistência do atleta.

Para você estar bem condicionado e pronto para enfrentar, quando quiser, essa empreitada, elencamos os três principais tipos de treinamento voltados à corrida de montanha.

Preparação focada nas subidas

As ladeiras são a principal dificuldade de muitos corredores, pois exigem fôlego e resistência muscular, ao mesmo tempo, e diminuem drasticamente o ritmo de prova.

Para encará-las com mais facilidade, você pode investir em exercícios simples, como agachamento, avanço e subida em plataformas com apenas um dos pés, que também podem ser combinados com saltos, quando já estiver mais avançado.

Pliometria e treino na montanha

Em função dos terrenos defeituosos, descidas perigosas, pedras soltas e diversos obstáculos presentes no percurso, muitas vezes, você terá que saltar para se desvencilhar desses obstáculos naturais.

Dessa forma, a pliometria, caracterizada por exercícios com saltos, combinada ao treino no próprio percurso, simulando as situações reais, é uma estratégia recomendável para já deixá-lo treinado.

Exercícios estabilizadores ou de propriocepção para membros inferiores

As superfícies irregulares características da corrida de montanha também podem aumentar o risco de lesões, ou mesmo, fatigar articulações das pernas.

Para prevenir essas situações, tente realizar trabalhos específicos de fortalecimento dos tornozelos e joelhos, com a ideia de melhorar sua capacidade de equilíbrio e adaptação ao relevo instável.

Vá se preparando com essas dicas de treinamentos específicos para corrida de montanha, porque tem uma ótima oportunidade para você mostrar o resultado desses treinos. A data é 9 de junho de 2018!

A AdrenaRun, que já tem tradição em corridas de rua, agora vai partir para esse novo desafio: AdrenaRun Trail Night. Acompanhe tudo por aqui.

Fonte: http://bit.ly/2Iz04lV

O aquecimento e também o relaxamento pós-treino são essenciais para um bom desempenho em busca dos seus objetivos.

CONHEÇA UM POUCO MAIS O PROGEL SPORTS! Clique aqui.